|

 Casos Ativos

 Internados

 Recuperados

 Mortes

Jacinto Lucas Pires-Henrique Raposo
Um escritor, dramaturgo e cineasta e um “proletário do teclado” e cronista. Discordam profundamente na maior parte dos temas. À segunda e quarta, às 9h15
A+ / A-
Arquivo
Jacinto Lucas Pires e Henrique Raposo - Tancos com Marcelo e processo contra Donald Trump - 25/09/2019
Jacinto Lucas Pires e Henrique Raposo - Tancos com Marcelo e processo contra Donald Trump - 25/09/2019

H. Raposo

Tancos. "Se vamos acusar alguém, que se apresentem provas e factos"

25 set, 2019


Henrique Raposo e Jacinto Lucas Pires analisam o aparecimento do nome de Marcelo Rebelo de Sousa no caso de Tancos e o eventual processo de destituição do Presidente norte-americano.

A denúncia que surgiu na TVI sobre o envolvimento de Marcelo Rebelo de Sousa no processo das armas de Tancos vem dar razão ao líder do PSD, diz Henrique Raposo.

“Rui Rio que passa a vida a criticar os jornalistas que violam o segredo de justiça. Se estamos numa redação e é preciso violar o segredo de justiça, é preciso apresentar factos do interesse público, como no caso Sócrates. Uma mera declaração, ainda por cima irónica de um dos envolvidos, é uma mão cheia de nada”, critica.

“Este clima de suspeição em que toda a gente parece estar envolvida não faz sentido. Se vamos acusar alguém, vamos apresentar provas e factos”, conclui.

Na opinião de Jacinto Lucas Pires, as declarações do Presidente em Nova Iorque não deixam margem para dúvidas. Foi “um desmentido claríssimo”, afirma.

Quanto ao processo de destituição que Donald Trump poderá enfrentar, os dois comentadores consideram que poderá ter variados efeitos, mas que ainda se está para ver se irá avançar.

Jacinto Lucas Pires refere que o ponto de partida é “uma queixa de algo muito concreto, que o inspetor geral do serviço de informação escolhido por esta administração classificou com o urgente e credível”.

“Mas politicamente é um jogo muito complicado, porque para chegar a um ‘impeachment’, é preciso que 19 republicanos votem a favor dessa destituição, o que neste momento parece difícil”, acrescenta.

Henrique Raposo considera que o caso pode ajudar Trump a “tribalizar a sua base de apoio” e considera inaceitável que a Casa Branca utilize a “política externa, sobretudo a venda de armas, para ganhos pessoais” do Presidente.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.