|

 Casos Ativos

 Suspeitos Atuais

 Recuperados

 Mortes

A+ / A-

Espanha

Contratação de Griezmann custa 300 euros ao Barcelona

26 set, 2019 - 12:20 • Redação

Federação espanhola assume que o valor é "meramente simbólico" e que optou por não fazer do Barcelona um exemplo. Atlético queria receber um total de 200 milhões pelo francês.

A+ / A-

O Comité de Competição da Real Federação Espanhola de Futebol (RFEF) castigou o Barcelona com uma multa "meramente simbólica" de 300 euros, por ter contactado Antoine Griezmann, agora seu jogador, quando este ainda tinha contrato com o Atlético de Madrid.

A RFEF determinou "a inexistência de responsabilidade disciplinar do jogador" e assumiu que optou por não fazer do Barcelona um exemplo.

"Tendo em conta a capacidade do clube e o valor da operação económica que deu origem a este expediente, este Comité tem consciência de que o pagamento de 300 euros, mais além do seu caráter meramente simbólico (a multa impõe-se porque o clube investigado foi considerado autor de uma infração disciplinar), não contribuirá para que o clube sancionado em particular e, provavelmente, outros clubes que possam estar no futuro na mesma situação adeqúem a sua conduta a sua conduta ao requerido pelo regulamento", pode ler-se no comunicado.

Griezmann custou 120 milhões ao Barcelona, no entanto, o Atlético queria que o valor ascendesse aos 200 milhões. Para os madrilenos, "a quantidade depositada é insuficiente para bater a cláusula de rescisão, visto que é óbvio" que o acordo entre o Griezmann e o Barcelona ficou fechado antes de a cláusula de rescisão do avançado francês ter descido de 200 a 120 milhões de euros. O Atlético salientava que também o anúncio feito pelo jogador, a 14 de maio, de que se desvincularia do clube fora anterior à data em que se produzira a modificação da cláusula.

O Comité de Competição da RFEF reconhece que o Barcelona cometeu "uma infração leve", mas que "este não é motivo suficiente" para que o Comité "opte pela imposição de uma sanção - um jogo à porta fechada - que parece estar pensada para infrações de outra natureza".

Os clubes poderão interpor recurso durante os próximos 10 dias úteis.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.