Tempo
|
A+ / A-

Resposta ao apelo de Greta Thunberg. Manifestações pelo clima em 130 países

20 set, 2019 - 11:21 • Redação

Em Portugal, esta sexta-feira, há iniciativas em 25 localidades.

A+ / A-

Há manifestações marcadas em mais de 130 países, incluindo 25 localidades em Portugal, para exigir aos governos ações concretas contra as mudanças climáticas.

Uma greve geral pelo clima está programada para esta sexta-feira em mais de quatro mil cidades em todo o planeta. Trata-se do início de um movimento de uma semana para atrair a atenção internacional para a urgência de ações contra as alterações climáticas.

De Sydney a Seul, na Europa e na América, espera-se que milhões de pessoas invadam as ruas em mais de 130 países, com apoio de organizações e grupos comunitários locais. Só em Nova Iorque espera-se uma "manifestação monstra" com mais de 1,1 milhões de estudantes, resultante do apelo da ativista sueca Greta Thunberg.

A iniciativa “Fridays for Future”, ou “Sextas pelo Futuro”, tem mobilizado estudantes de todo o mundo a manifestarem-se todas as sextas-feiras.

Para a próxima segunda feira está marcada, em Nova Iorque, uma Cimeira do Clima, convocada pelo Secretário Geral da ONU.

António Guterres pediu aos Governos para apresentarem novos compromissos para conter o aquecimento global.

Oração pela Criação

A preocupação pelo clima mobiliza também pessoas de fé. Em Portugal uma das iniciativas que terá lugar esta sexta-feira é a Oração pela Criação.

A partir das 19h, na Igreja de Nossa Senhora da Conceição, no Rato, vários jovens juntam-se para rezar e refletir sobre as alterações climáticas.

“A principal intenção é dar resposta às alterações climáticas, por um lado lutando para que a mudança seja concretize e, por outro, para que as pessoas sejam sensibilizadas e conscientes”, diz Beatriz Lisboa, em declarações ao site de notícias religiosas Sete Margens.

“Não é só um grupo cristão que vai estar lá, mas uma diversidade de grupos, todos diferentes, cada um com formas diferentes de se aproximar do problema”, diz Beatriz.

No mesmo espírito, mas no sábado, realiza-se o encontro promovido pela rede Cuidar da Casa Comum, inspirado na encíclica Laudato Si’, do Papa Francisco.

O encontro, com o título “Também somos Terra”, decorre entre as 11h00 e as 18h30, na Casa das Irmãs Doroteias, no Linhó, Sintra.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.