A+ / A-

Número de mortes em Espanha devido às chuvas torrenciais aumenta para seis

14 set, 2019 - 00:00 • João Pedro Barros com Reuters

Inundações obrigaram ainda à evacuação de 3.500 pessoas. Regiões afetadas pela depressão Dana são as de Valência, Albacete, Alicante, e Múrcia, no sul do país.
A+ / A-
Chuvas torrenciais no sul de Espanha são “situação dramática”
Chuvas torrenciais no sul de Espanha são “situação dramática”

Pelo menos seis pessoas morreram e 3.500 foram evacuadas após dois dias de chuvas torrenciais no sul de Espanha, que afetaram particularmente as regiões de Valência, Albacete, Alicante e Múrcia. A precipitação atingiu os 280 litros por metro quadrado em apenas 24 horas. Este sábado de manhã foi confirmado mais um morto em Orihuela, elevando o total para seis.

A chuva fez transbordar rios, nomeadamente o Clariano, em Ontinyent, uma das cidades da região de Valência mais afetada pela tempestade: pelo menos 150 pessoas tiveram de ser retiradas das suas casas.

Um total de 74 estradas, vários troços ferroviários – as ligações ferroviárias de Alicante a Madrid and Barcelona foram encerradas – e o aeroporto de Murcia encerraram esta sexta-feira e os serviços de socorro tiveram de resgatar várias pessoas que ficaram retidas em túneis de autoestradas inundados. Muitos veículos ficaram parcial ou totalmente submersos.

Na quinta-feira, o carro onde estavam dois irmãos, de 61 e 51 anos, foi arrastado pela força das águas na cidade de Caudete, em Albacete, e ambos morreram. Um homem que tinha saído a pé de casa esta sexta-feira foi encontrado morto na aldeia de Redovan, em Valência, que se junta a outros dois corpos encontrados em Granada e em Almeria.

O ministro do interior Fernando Grande considerou estas cheias uma "situação dramática". Na sexta-feira, o chefe do Governo espanhol, Pedro Sánchez, anunciou que irá visitar as áreas mais afetadas pela depressão.

[Notícia atualizada às 12h14 de sábado]


legislativas 2019 promosite
Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.