A+ / A-

Campeão de futebol americano acusado de violação

11 set, 2019 - 10:58 • Redação

Antonio Brown enfrenta alegações de agressão e abuso sexuais por parte de antiga treinadora pessoal.
A+ / A-

Antonio Brown, wide receiver dos New England Patriots, atuais campeões da Liga de futebol americano (NFL), foi acusado de violação e agressão sexual pela ex-treinadora pessoal Britney Taylor.

Numa ação judicial submetida no Tribunal Federal da Florida, Britney Taylor elenca três situações em que diz ter sido agredida sexualmente e forçada a ter relações sexuais, entre 2017 e 2018.

"Como vítima de Antonio Brown, decidir falar foi uma decisão incrivelmente difícil. Encontrei forças na minha fé, na minha família e nas histórias de outros sobreviventes de agressão sexual", referiu a treinadora e antiga ginasta, em comunicado.

Antonio Brown reagiu por via dos advogados, fazendo questão de negar "toda e qualquer alegação no processo".

"Ele irá recorrer a todos os meios legais, não apenas para limpar seu nome, mas também para proteger outros atletas profissionais contra falsas acusações. (...) Qualquer interação sexual com Brown foi inteiramente consensual", sublinhou o advogado do jogador.


legislativas 2019 promosite
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.