A+ / A-

Valência confirma saída de Marcelino

11 set, 2019 - 12:41 • Redação

Segundo a imprensa espanhola, as más relações com Peter Lim, dono do clube, ditaram a saída.
A+ / A-

Marcelino Toral está de saída do Valência, confirmou o clube espanhol. De acordo com as informações avançadas pela imprensa espanhola, as más relações com Peter Lim, dono do clube, estarão na origem da decisão.

A atualidade do clube valenciano tem sido marcada pelas más relações entre diretor-geral Mateu Alemany e o dono do clube. Marcelino terá apoiado o diretor, o que deteorou as relações com o proprietário do clube.

Na breve nota oficial, o Valência "agredece o trabalho e dedicação" durante o período no clube, e "deseja os maiores sucessos no futuro".

A "Onda Cero" avança que o sucessor será Albert Celades, que orientou as camadas jovens da seleção espanhola e foi adjunto da seleção principal e também do Real Madrid, na última temporada.

Marcelino Toral estava no Valência desde 2017, onde conseguiu duas qualificações seguidas para a Liga dos Campeões. Antes, passou pelo Villarreal, Sevilha, Racing Santander, Zaragoza, Recreativo e Gijón.

No Valência alinham os portugueses Gonçalo Guedes e Thierry Correia.


legislativas 2019 promosite
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.