No paraíso turístico das Maurícias, Papa alerta para "futuro incerto" dos jovens

09 set, 2019 - 12:00 • Aura Miguel nas Ilhas Maurícias, com Inês Rocha (vídeo)

Francisco celebrou missa com cerca de 80 mil pessoas, esta segunda-feira, nas Ilhas Maurícias, um país com uma forte indústria turística e onde a qualidade de vida contrasta totalmente com a de Madagáscar, de onde veio e para onde regressa ao final do dia. Mas o conforto material de que beneficiam os habitantes das Maurícias tem também lados sombrios, incluindo um alto índice de desemprego entre os jovens.
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.