A+ / A-

Irmãs Espiritanas elegem pela primeira vez uma superiora geral portuguesa

23 ago, 2019 - 14:13 • Ecclesia

Decisão foi tomada durante o 15.º Capítulo Geral da congregação que está a decorrer em Fátima.
A+ / A-

A Congregação das Irmãs Missionárias do Espirito Santo, reunida em Capítulo Geral em Fátima, elegeu, pela primeira vez em 100 anos de história, uma superiora geral portuguesa.

De acordo com um comunicado enviado à Agência ECCLESIA, a escolha da assembleia capitular recaiu sobre a irmã Olga Maria dos Santos Fonseca, 52 anos, natural de Fânzeres, concelho de Gondomar, na Diocese do Porto.

Numa primeira reação a esta eleição, a Congregação das Irmãs Missionárias do Espírito Santo realça a “felicidade por acolher a nova superiora geral e o seu Conselho, que terão a missão de conduzir o navio das Espiritanas sobre os Oceanos da Missão, no seguimento da fundadora, a irmã Eugénie Caps”.

As religiosas recordam ainda a importância deste novo ciclo, numa altura em que a congregação se prepara para celebrar o seu centenário, “em 2021”.

A nova superiora geral das Irmãs Espiritanas fez a sua primeira profissão religiosa nas Espiritanas a 25 de agosto de 1991 e os votos perpétuos em 1999.

Em 1992, esteve em Paris a aprender francês, seguindo em Missão para a República Centro Africana, em 1993, ali permanecendo até 1998.

De regresso a Paris, obteve um diploma em Ciências da Religião, na Universidade Católica. Estudou Jornalismo na Costa do Marfim, na Universidade Católica da África do Oeste, entre 2000 e 2003.

Partiria em Missão para o Congo Brazzaville no ano seguinte, como responsável do Distrito.

Antes de ser escolhida para superiora geral das Irmãs Espiritanas, no Capítulo Geral que está a decorrer em Fátima até 29 de agosto, a irmã Olga Maria dos Santos Fonseca foi conselheira geral da congregação em 2007, quando residia em Paris.

A religiosa portuguesa seria ainda reeleita para o mesmo cargo em 2013, assumindo a função de 1.ª assistente geral.

No comunicado enviado à Agência ECCLESIA, a Congregação das Irmãs Missionárias do Espírito Santo destaca o “percurso missionário muito rico” da irmã Olga Maria dos Santos Fonseca, considerando-a “a pessoa mais indicada para animar e guiar esta família religiosa nos próximos seis anos”.

A acompanhar a nova superiora geral na coordenação das Irmãs Espiritanas estará um Conselho Geral constituído por quatro religiosas: a irmã francesa Agnès Simon-Perret, como 1ª assistente geral, a irmã cabo-verdiana Etelvina Mendes Tavares, que está colocada no Brasil, a irmã camaronesa Honorine Woya, que tem acompanhado a missão espiritana no Haiti, e a irmã brasileira Maria Aparecida Meireles Cardiais, que tem estado empenhada na animação missionária no seu país natal.


legislativas 2019 promosite
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.