A+ / A-
Belenenses

Rui Pedro Soares. "Temos acordo com o Benfica, falta o sim de Cádiz"

15 ago, 2019 - 18:15 • Rui Viegas

Presidente da SAD belenense confirma entendimento com as águias pelo venezuelano, mas empréstimo ainda depende do "ok" de Jhonder Cádiz. Benfica entende que o avançado deve rodar em Portugal, revela, em Bola Branca, Rui Pedro Soares.
A+ / A-

O presidente da SAD do Belenenses confirma que já só falta o acordo com Jhonder Cádiz para que o avançado se torne reforço dos azuis.

Em entrevista a Bola Branca, esta quinta-feira, Rui Pedro Soares confirma o entendimento total com as águias, visando a cedência do venezuelano. O líder da sociedade que gere o futebol profissional belenense justifica mesmo que o Benfica considera que Cádiz ainda não está preparado para a equipa de Bruno Lage e por isso decidiu colocá-lo a "rodar" perto de "casa".

"Já temos acordo com o Benfica. Depende também do jogador. É um assunto que já tem algumas semanas, mas tivemos que esperar para saber se o Cádiz ficava no plantel do Benfica e, a partir do momento em que soubemos que este ano não ia ficar, o Benfica tem vontade que o Cádiz evolua em Portugal, de maneira a que possa ser acompanhado. E nós temos interesse [na contratação], é verdade. Agora depende do Cádiz, porque entre os dois clubes há acordo, tenho acordo com o presidente do Benfica. Eles [Benfica] gostam bastante dele, mas entendiam que ainda precisava de mais um ano".

Quando se resolverá este "dossier"? "O mercado está aberto até 2 de setembro, quanto mais depressa melhor, mas estamos preparados para esperar", revela Rui Pedro Soares, que faz questão de esclarecer que a proximidade da receção aos campeões nacionais, sábado no Jamor, não influencia a operação-Cádiz.

"O jogo de sábado não tem nada a ver com o facto de Cádiz vir, ou não, para o Belenenses. Se chegássemos a acordo hoje, até podia ser apresentado amanhã. Por questões regulamentares, e bem, o Cádiz não pode defrontar o Benfica, sendo emprestado a outro clube da Liga portuguesa. Portanto, a data do jogo é irrelevante. Se tivéssemos acordo ele já cá estava", acentua.

Jhonder Cádiz, de 24 anos, assinou contrato até 30 de junho de 2024 com o Benfica, depois de ter alinhado na última temporada no Vitória de Setúbal, cedido pelos venezuelanos do Monagas. Agora, será emprestado ao Belenenses. Em Portugal, já actuou também por Moreirense, Nacional e União da Madeira.


guialiga19_20_banner
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.