A+ / A-
Liga Europa

Sá Pinto deixa Sporting para mais tarde. "Só pensamos no Brondby"

14 ago, 2019 - 11:22 • Redação

Treinador do Sporting de Braga quer carimbar passagem ao "play-off" da Liga Europa, antes de arrancar preparação para o jogo em Alvalade.
A+ / A-

Ricardo Sá Pinto garante que o Sporting de Braga ainda não pensa no confronto contra o Sporting, no próximo domingo. Em conferência de imprensa de antevisão à segunda mão da terceira pré-eliminatória da Liga Europa, contra o Brondby, da Dinamarca, o técnico mantém o foco na prova europeia.

"Um jogo de cada vez, só pensamos no Brondby, e nem pode haver outro pensamento que não apenas nesta eliminatória", começou por dizer.

A formação minhota vencer a primeira mão, em solo dinamarquês, por 4-2, mas Sá Pinto acredita que nada está garantido: "Essa mensagem tem sido passada nos últimos dias. Está tudo em aberto. Precisamos de chegar a este jogo como se fosse obrigatório vencer. Não chega passar, queremos vencer".

Sá Pinto espera o mesmo Brondby que na primeira partida, "a impor um ritmo elevado, a tentar chegar à baliza de forma rápida e simples, e à espera de boals paradas perto da nossa área".

Galeno é opção

O novo avanaçado do Braga juntou-se à equipa recentemente, e Sá Pinto preferiu não adiantar nada em relação à sua eventual utilização, referindo apenas que todos estão prontos para jogar.

"Não vou dizer opções, mas estão todos os jogadores adaptados e identificados com o nosso processo. Ainda estamos no início desta longa temporada e ainda há uma grande margem para crescer", disse.

O Braga-Brondby joga-se esta quinta-feira, às 19h45, no Estádio Municipal de Braga, jogo com informações na Renascença.


guialiga19_20_banner
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.