A+ / A-

Raphael Guerreiro pode estar próximo de assinar pelo Paris Saint-Germain

14 ago, 2019 - 12:11 • Redação

Internacional português quer reforçar o campeão francês, que não consegue oferecer os 25 milhões de euros que o Dortmund exige, por restrições do "fair-play financeiro".
A+ / A-

O Paris-Saint Germain está interessado no internacional português Raphael Guerreiro, num negócio que com um grande entrave à sua concretização.

O Dortmund exige um valor de 25 milhões para a contratação do lateral-esquerdo, verba que o PSG não tem disponível, devido ao controlo da UEFA em relação a possíveis violações do "fair-play financeiro".

De acordo com o "Bild", Guerreiro quer a transferência para o PSG, que marcaria um regresso ao país de nascimento, e onde fez grande parte da carreira, incluíndo toda a formação.

O emblema alemão também terá interesse em vender Raphael Guerreiro. Apesar de ser considerado um ativo muito importante para a direção e treinador, Guerreiro termina contrato no final da atual temporada, e tem recusado todas as propostas de renovação. Para evitar uma saída a custo-zero, o Dortmund quererá, até ao final do mercado, ver a sua situação decidida: ou renova, ou deixa o clube nesta janela de transferências.

Raphael Guerreiro tem sido tormentado com várias lesões no seu percurso de três temporadas no Dortmund. No total, soma 82 jogos e 15 golos pelo emblema alemão. Na Supertaça alemã contra o Bayern de Munique, apontou uma fantástica assistência para Jadon Sancho fechar o resultado em 2-0.

O Dortmund pagou cerca de 12 milhões de euros ao Lorient, em 2016, para contratar o internacional português de 25 anos.


guialiga19_20_banner
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.