A+ / A-

García de Mateos desiste na Volta a Portugal

10 ago, 2019 - 16:30 • Redação com Lusa

Um dos favoritos desta edição está doente.
A+ / A-

O espanhol Vicente García de Mateos (Aviludo-Louletano), quarto na geral da 81.ª Volta a Portugal em bicicleta, abandonou este sábado a prova, na nona etapa, entre Fafe e o alto da Senhora da Graça.

O espanhol, que seguia a 34 segundos do camisola amarela, Jóni Brandão (Efapel), entrou no carro da equipa em lágrimas quando estavam decorridos cerca de 47 quilómetros.

O diretor desportivo, Jorge Piedade, explicou à Lusa que o ciclista de 30 anos está doente, com uma indisposição, e passou mal a noite, razão que leva à desistência do chefe de fila da formação algarvia.

Terceiro classificado em 2017 e 2018, o espanhol abandona a 81.ª edição na 'etapa rainha', entre Fafe e a Senhora da Graça, de 133,5 quilómetros, a penúltima antes do contrarrelógio de domingo, entre Vila Nova de Gaia e o Porto.

Quem também abandonou foi Unai Cuadrado (Euskadi), líder da classificação da juventude, que sofreu uma queda. O ciclista de 21 anos foi transportado para o hospital após uma queda, a par de três corredores, o companheiro de equipa Diego Lopez, o também espanhol Julen Amezqueta (Caja Rural-Seguros RGA) e o suíço Lukas Ruegg (SRA).


guialiga19_20_banner
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.