A+ / A-

Viseu vai ter a maior sala de espetáculos do Centro

09 ago, 2019 - 07:47 • Liliana Carona

Vai ter capacidade para mais 5.500 espetadores e uma arena de 2.500 metros quadrados. Deve ser inaugurado em 2021.
A+ / A-

O vídeo promocional anuncia o Viseu Arena como a maior sala de espetáculos do centro do país e o presidente da Câmara, Almeida Henriques, descreve o futuro espaço como“uma cortina de luz na fachada do equipamento, que vai permitir um diálogo com a cidade, vai ter uma tribuna suspensa, 14 camarotes, e 600 lugares 'premium'”.

O novo equipamento, que já obteve parecer favorável da Inspeção-Geral das Atividades Culturais, vai tornar-se na maior sala de espetáculos do Centro de Portugal, pelo menos, assim acredita o autarca local, com uma capacidade superior a 5.500 espetadores (aumento de 83% da sua lotação) e uma arena de 2.500 metros quadrados.

“São objetivos do Viseu Arena colocar Viseu no mapa nacional e ibérico da oferta de espetáculos, reforçar a dinâmica local e a descentralização cultural nacional e incrementar a atratividade turística de Viseu no Centro-Norte de Portugal e nos respetivos eixos ibéricos, permitirá que Viseu passe a estar dotada da maior sala de espetáculos e recintos multiusos da região centro do país”, explica o autarca, destacando o simbolismo do concurso ser lançado no mesmo dia em que abre portas a edição 627 da Feira de São Mateus.

Almeida Henriques afirma ainda que no segundo semestre de 2021 poderá haver condições para que o Viseu Arena seja inaugurado.

Algumas das novidades respeitam à incorporação de ecrãs e de para um diálogo com a cidade, à criação de novas zonas de público.


legislativas 2019 promosite
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.