Ribeiro Cristovão
Opinião de Ribeiro Cristovão
A+ / A-

​A grande festa do verão

31 jul, 2019 • Opinião de Ribeiro Cristovão


Sai hoje para a estrada a 81ª edição da Volta a Portugal em bicicleta, sem dúvida a maior festa desportiva do Verão.

Entre 31 de Julho e 11 de Agosto, a partir da cidade de Viseu, 133 ciclistas vão percorrer 2.531 quilómetros até chegarem ao Porto onde, após um contra-relógio final será conhecido o herói das estradas portuguesas neste ano.

Pelo meio, os ciclistas, divididos por dezanove equipas, vão enfrentar muitas dificuldades, sobretudo nas complicadas subidas da Senhora da Graça e Serra da Estrela, e em especial nesta última, onde a Volta regressa após alguns anos de ausência.

Mesmo tendo em conta que o entusiasmo à volta da competição já não é igual ao de outros tempos, quando as camisolas dos principais clubes portugueses preponderavam, iremos assistir de novo a longas e maciças concentrações de adeptos dispostos a ajudar os estradistas nas suas muito difíceis tarefas.

O ciclismo é a única modalidade desportiva que é servida de porta a porta.

E mesmo não sendo possível que, por razões compreensíveis, o pelotão percorra todo o território, a verdade é que nem isso esvazia o interesse que vai gerar-se em redor da Volta durante os onze dias da sua duração.

A partir da forçada ausência do vencedor das últimas duas edições, Raúl Alarcón, não é fácil eleger um favorito para a vitória final.

No entanto, há um lote de corredores que se destacam e que prometem uma enorme competitividade.

Hoje, em Viseu, serão dadas as primeiras pedaladas num contra-relógio curto, destinado a designar o primeiro camisola amarela.

Enfim, a festa vai para a estrada, e os amantes do ciclismo estão já a postos para viver todos os seus momentos.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Henrique Vila Forte
    01 ago, 2019 Algés 17:49
    Sr. Ribeiro Cristóvão: Desafio-o a subir a fasquia dos seus artigos e a analisar sem peias, nem papas na língua, a entrevista que o Dr. Domingos Soares de Oliveira acaba de dar à Exame. Contribua também para a melhoria do futebol português como ele o faz brilhantemente. Aqui fica o desafio, sem frases feitas de anos e anos de repetição. E boas férias, se ainda não o fez. Melhores cumprimentos. Henrique Vila Forte P.S.-Espero que publiquem esta mensagem em tempo útil...