|

 Casos Ativos

 Suspeitos Atuais

 Recuperados

 Mortes

A+ / A-

Morreu o ator do Disney Channel Cameron Boyce

07 jul, 2019 - 13:46 • Redação com Lusa

Tinha 20 anos. No ano passado, foi distinguido com o prémio “Espírito Pioneiro” pela sua faceta solidária.

A+ / A-

O jovem ator Cameron Boyce, protagonista do filme do Disney Channel "Os Descendentes", morreu este domingo durante o sono.

A notícia é avançada pela ABC News, que cita fonte familiar. O ator tinha 20 anos e morreu na sequência de uma convulsão, segundo a família.

“Morreu durante o sono devido a uma convulsão que resultou de uma situação clínica para a qual estava a ser tratado”, afirma o porta-voz da família.

"O mundo agora está, sem dúvida, sem uma das suas mais brilhantes luzes, mas o seu espírito viverá como reflexo da bondade e da compaixão", acrescenta.

Nesta hora “imensamente difícil” e de “grande dor”, a família pede “privacidade”.

Nos últimos anos, o jovem ator dedicou-se também ao trabalho de caridade, tendo sido distinguido com o prémio “Espírito Pioneiro” na Thirst Gala do ano passado, após ter conseguido arrecadar 30 mil dólares (perto de 27 mil euros) para construir poços de água potável em Essuatíni.

Natural de Los Angeles, Cameron Boyce iniciou a sua carreira de ator aos nove anos com o filme "Mirrors". Dois anos depois, participou no filme “Miúdos e Graúdos”, onde fazia de filho do ator Adam Sandler.

O caminho para o estrelato acelerou com o programa “Jessie”, do Disney Channel, onde era protagonista. Mas foi o seu papel em “Os Descendentes” que o catapultou para a fama.

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.