A+ / A-

​João Alberto Pinto Basto, fundador da ACEGE, recebe Prémio Fé e Liberdade

26 jun, 2019 - 21:14 • José Carlos Silva , com redação

Pinto Basto nega que, num mundo tantas vezes dominado pelo capitalismo selvagem, os empresários cristãos percam competitividade.
A+ / A-

O Prémio Fé e Liberdade foi entregue esta quarta-feira a João Alberto Pinto Basto, o fundador da Associação Cristã de Empresários e Gestores (ACEGE).

A iniciativa do Instituto de Estudos Políticos da Universidade Católica Portuguesa pretende distinguir o homem e a sua obra.

João Alberto Pinto Basto notabilizou-se na defesa da fé cristã e da liberdade, disse à Renascença o professor Manuel Braga da Cruz, que fez o elogio ao galardoado.

“Chamar à atenção para a grande valia que é a fé inspirar empresários católicos a exercerem o seu direito de associação e a fermentarem a sociedade portuguesa com aqueles valores que enformam o código de ética que a ACEGE aprovou há alguns anos”, afirma Manuel Braga da Cruz.

O fundador da ACEGE confessa estar feliz e grato por ser distinguido com o Prémio Fé e Liberdade e nega que, num mundo tantas vezes dominado pelo capitalismo selvagem, os empresários cristãos percam competitividade.

“Tendo como amigo Jesus Cristo, temos o amigo que nos ajuda a resolver os problemas essenciais”, disse o empresário à Renascença.


legislativas 2019 promosite
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.