Tempo
|
A+ / A-

Pedro Mil-Homens

Diretor da formação do Benfica destaca importância da equipa B no título de campeão

03 jun, 2019 - 12:02 • Redação

Pedro Mil-Homens diz que a equipa B foi fundamental para o 37º título. Bruno Lage, Gedson, Florentino Luís e João Félix saltaram da equipa B para a equipa principal.

A+ / A-

Pedro Mil-Homens, Diretor Geral do Centro de Formação e Treino do Benfica, destaca a importância da equipa B das águias na conquista do título de campeão nacional, por parte da equipa principal.

"Teve toda a importância, até dou o exemplo de um estudo de uma relação muito clara da afirmação dos jovens com os jogos profissionais que tinham feito antes de chegarem à equipa principal. Estes jogadores que chegaram à equipa em janeiro, ou fevereiro, trouxeram consigo um conjunto de jogos e minutos de futebol sénior", disse, na Conferência Bola Branca.

O dirigente encarnado deixou a reflexão para um cenário sem equipa B, destacando a necessidade estratégica da sua existência.

"Imaginemos que não tínhamos este espaço competitivo. Sem a equipa B, era só os juniores. Temos a equipa sub-23, que achava que seria um nível mais baixo do que foi, mas a importância da equipa B é muito estratégica para nós", adicionou.

João Félix, Florentino Luís, Gedson Fernandes, Jota são alguns dos exemplos dos jogadores que passaram pela equipa B, antes de chegarem à equipa principal, tal como Bruno Lage, treinador.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.