|

 Casos Ativos

 Internados

 Recuperados

 Mortes

A+ / A-

Papa manifesta gratidão por visitar santuário romeno rico em história

01 jun, 2019 - 11:25 • Redação

Francisco celebrou missa no santuário mariano de Sumuleu-Ciuc, na região romena da Transilvânia.

A+ / A-
Papa em santuário na Transilvânia: “Peregrinar significa sentir-se chamados e impelidos a caminhar juntos”
Papa em santuário na Transilvânia: “Peregrinar significa sentir-se chamados e impelidos a caminhar juntos”

O Papa manifestou, neste sábado de manhã, gratidão por visitar um santuário rico em história e fé.

“Os santuários, lugares quase ‘sacramentais’ duma Igreja-hospital-de-campo, guardam a memória do povo fiel, que, no meio das suas tribulações, não se cansa de procurar a fonte de água viva onde avivar a esperança”, afirmou Francisco durante a missa que celebrou no Santuário de Sumuleu-Ciuc, na Transilvânia.

“São lugares de festa e celebração, de lágrimas e súplicas”, reforçou o Papa, que falou também sobre diálogo e unidade, em particular entre as igrejas cristãs.

O santuário mariano de Sumuleu-Ciuc é famoso pelas peregrinações em honra de “Nossa Senhora vestida de sol” e ponto de referência para milhares de húngaros que vivem nesta região da Roménia.

O programa da visita do Papa prossegue à tarde em registo mariano, em Iasi, uma outra cidade na região moldava da Roménia.

Francisco vai visitar a Catedral de Santa Maria e encontrar-se com milhares de jovens e famílias. Esperam-se aqui perto de 100 mil fiéis, além do Presidente e do primeiro-ministro da Roménia.

A viagem à Roménia termina no domingo, dia em que o Papa vai beatificar sete bispos romenos da igreja de rito bizantino, mortos pelo regime comunista.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.