Tempo
|
A+ / A-

Clima. Organizadores do protesto querem sindicatos na greve geral de setembro

24 mai, 2019 - 14:48 • Lusa

Milhares de jovens portugueses desfilaram esta sexta-feira pelo clima.

A+ / A-

Veja também:


Os organizadores da manifestação estudantil desta sexta-feira pelo clima esperam cativar os sindicatos para fazer do próximo protesto, marcado para 27 de setembro, uma greve geral.

Segundo a estudante Alice Vale de Gato, à manifestação em Lisboa terão aderido "12.000 a 13.000 estudantes", disse à agência Lusa.

É a segunda vez que os estudantes portugueses aderiram à greve climática estudantil internacional, que esta sexta-feira se realizou em mais de 100 países e que em Portugal se alargou a 51 localidades.

No manifesto que leram em frente à escadaria da Assembleia da República, onde terminou uma marcha iniciada na rotunda do Marquês de Pombal, os estudantes voltaram a exigir a declaração de emergência climática, a meta da neutralidade carbónica até 2030 e "uma enorme vontade política" aos decisores europeus e portugueses.

Jovens portugueses juntaram-se à greve mundial pelo clima
Jovens portugueses juntaram-se à greve mundial pelo clima
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.