A+ / A-

​Portugal entre os países europeus onde se paga mais pela eletricidade

21 mai, 2019 - 11:02 • Redação com Lusa

Mais de metade do valor que os portugueses pagam pela eletricidade corresponde a impostos. No gás natural, os preços em Portugal são inferiores aos preços médios dos 28 países da União Europeia.

A+ / A-

Portugal está entre os países europeus onde se paga mais pela eletricidade. Os números são do Eurostat, o gabinete de estatística da União Europeia.

De acordo com os dados agora conhecidos, Portugal surge em sexto lugar na lista dos países onde a eletricidade para os consumidores domésticos é mas cara, atrás de países como a Dinamarca, Alemanha, Bélgica, Irlanda e Espanha.

A componente de taxas e impostos "para Portugal um peso de 55% do preço total pago pelos consumidores", lê-se na nota divulgada pela Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE).

Em euros, os portugueses pagaram 22,9 por 100 kWh, o sexto preço mais alto, com a Dinamarca no topo da tabela (31,2 euros por kWh), seguindo-se a Alemanha (30,0 euros por 100 kWh), a Bélgica (29,4€), a Irlanda (25,4 euros por 100 kWh) e a Espanha (24,8 euros).

No que diz respeito ao gás natural, o cenário é diferente. Portugal está entre os países onde se paga menos do que a média europeia. "Da análise aos preços praticados em cada país, verifica-se que os preços em Portugal são inferiores aos preços médios dos 28 países da União Europeia (UE28), aos preços da média dos 19 países da Euro Área (EA19) e aos preços praticados em Espanha", lê-se no documento da ERSE.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.