|

 Casos Ativos

 Suspeitos Atuais

 Recuperados

 Mortes

A+ / A-

António Costa cozinha cataplana de peixe no programa "Cristina"

05 mar, 2019 - 12:34 • Redação

Depois de Cristas é a vez de Costa. Políticos mostram dotes culinários na TV.

A+ / A-

António Costa cozinhou uma cataplana de peixe no programa "Cristina", na SIC. Depois de Assunção Cristas, líder do CDS, preparar um arroz de atum, esta foi a vez do primeiro-ministro mostrar os dotes culinários.

Depois de o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, ligar para a casa em que Cristina Ferreira apresenta o programa da manhã, agora são dois políticos de primeiro plano a irem cozinhar em direto naquela estação de televisão. Este formato foi um dos fatores decisivos para a SIC recuperar a liderança depois de muitos anos atrás da TVI.

Costa está acompanhado pela esposa, Fernanda Gonçalves Tadeu, e durante a conversa com apresentadora disse que as crianças com intolerância à lactose vão ter uma comparticipação na compra de leite no Orçamento de Estado deste ano.

A família do primeiro-ministro, dois filhos e a nora, também foi ao programa de televisão para almoçar com António Costa depois deste confeccionar o prato de peixe.

Fernanda Gonçalves Tadeu diz que o filho Pedro tem "uma personalidade muito parecida com pai".

Costa falou também do mandato à frente do Governo, que termina em Outubro, em que assumiu que os fogos de Pedrógão Grande foram a maior mancha negra dos últimos quatro anos.

O primeiro-ministro falou ainda na "caldeirada" que foi a entrega de donativos à população atingida pelos fogos. ""Os donativos que vieram para o Estado estão todos auditados ou esclarecidos. O que tem acontecido é com entidades que não são do Estado, ou são privados ou municípios, que não têm os mesmos mecanismos de controle", apontou, dizendo ter temido que tal pudesse acontecer, devido "à forma espontânea e desorganizada" como os cidadãos acabaram por preferir canalizar a sua solidariedade", defendeu Costa.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Pedro
    05 mar, 2019 Porto 22:56
    Que piroso!!