|
A+ / A-

Ex-ministro da Cultura Castro Mendes em Guadalajara a convite do primeiro-ministro

02 dez, 2018 - 17:09

O ex-ministro, substituído na Cultura por Graça Fonseca, recusou comentar o orçamento para o setor em 2019: "Não sou comentador político. O orçamento é do Governo".

A+ / A-

O ex-ministro da Cultura, Luís Filipe Castro Mendes, está no México a convite pessoal do primeiro-ministro, para o encerramento da Feira do Livro de Guadalajara.

A feira termina este domingo e, durante uma semana, mostrou Portugal aos mexicanos através da cultura, numa programação desenhada durante o mandato de Luís Filipe Castro Mendes, enquanto ministro da Cultura, cargo de onde saiu em outubro.

Aos jornalistas, Castro Mendes disse que não lamenta não estar em Guadalajara enquanto ministro da Cultura e citou Espinoza: "Nem lamentarmos, nem regozijarmos, compreender".

"Compreendo e estou perfeitamente bem na minha pele. Ao fim e ao cabo sou também escritor e sinto-me muito bem aqui no meio dos livros e dos autores", disse.

Luís Filipe Castro Mendes, substituído na Cultura por Graça Fonseca, recusou comentar o orçamento para o setor em 2019.

"Não sou comentador político. Sobre o orçamento da Cultura não comento. O orçamento é do Governo", disse.

A Feira do Livro de Guadalajara, onde Castro Mendes disse ter comprado poesia mexicana e livros de história sobre o México, termina este domingo.

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.