A+ / A-

Marcelo elogia ministro da Educação pela remodelação do parque escolar

17 set, 2018 - 14:23

No dia do arranque do ano letivo, o Presidente da República esteve na inauguração das obras de requalificação da Escola Secundária de Celorico de Basto.
A+ / A-

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, elogiou, esta segunda-feira, o ministro da Educação pelo esforço que está a ser realizado em todo o país, sobretudo no interior, para melhorar as instalações escolares.

"Eu sou testemunha de como o senhor ministro da Educação tem corrido o país, sobretudo o país interior e aqueles que têm menos condições do que os outros para encontrar formas de melhorar as condições de ensino e de educação no nosso país", disse Marcelo Rebelo de Sousa.

O chefe de Estado discursava na cerimónia de inauguração das obras de requalificação da Escola Secundária de Celorico de Basto, concelho onde tem raízes familiares e onde chegou a ser presidente da Assembleia Municipal.

À cerimónia, que assinalou o arranque do novo ano letivo, assistiu o ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues, que acompanhou o Presidente da República na visita às instalações do estabelecimento de ensino.

Marcelo Rebelo de Sousa congratulou-se por haver 200 projetos para remodelação de escolas em curso em todo o país .

"Durante este ano letivo temos, um pouco por toda a parte, obras que vão durar, que vão arrancar, que vão acabar, umas neste ano letivo, outras no próximo ano letivo", afirmou.

Aludindo às suas raízes em Celorico de Basto, o chefe de Estado lembrou a importância de a escola local ter sido remodelada, "um salto" que, frisou, "só foi possível devido à colaboração entre a Câmara e o Ministério da Educação".

"Quem vai ganhar com isto são os celoricenses que vão durar para além de nós. Estou aqui para dar os parabéns ao futuro da terra", acrescentou.


legislativas 2019 promosite
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • a
    17 set, 2018 portugal 17:35
    O Sr. Marcelo, devia ter respeito pelos portugueses. Devia ser honesto e verdadeiro considerando que ministério de educação nada tem feito, que o pior ministro do governo é o da educação.