Tempo
|
A+ / A-

Nova Iorque abre investigação a abusos sexuais por padres

06 set, 2018 - 22:47

As oito dioceses do estado norte-americano vão ser investigadas.

A+ / A-

A procuradora de Nova Iorque, Barbara D. Underwood, decidiu avançar com uma investigação para determinar se as oito dioceses católicas deste estado norte-americano encobriam os padres de denúncias de abusos sexuais a crianças.

A procuradoria abriu uma linha direta, via telefone e Internet, para que vítimas e pessoas com informação sobre casos de abusos por parte da Igreja Católica possam ajudar na investigação.

Segundo um porta-voz da procuradoria nova-iorquina, a investigação pretende aferir como as dioceses e outras entidades católicas terão ocultado as sucessivas denúncias de abusos sexuais a menores.

Um relatório divulgado em agosto pelo Supremo Tribunal da Pensilvânia denunciava 300 padres "predadores sexuais" em seis dioceses católicas deste estado norte-americano e mais de mil menores vítimas de abusos.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

Destaques V+