A+ / A-

Partido Iniciativa Liberal insinua que Santana Lopes copiou as suas ideias

19 ago, 2018 - 09:31

“Santana Lopes, por coincidência ou não, parece que foi copiar muitos temas do programa da Iniciativa Liberal", diz o partido em comunicado.
A+ / A-

O partido Iniciativa Liberal (IL) acusou Pedro Santana Lopes de se estar a tentar colar aos novos movimentos europeus com quem este partido já está envolvido e insinuou que terá copiado temas do seu programa partidário.

Num comunicado, o presidente do recém-formado IL, que aprovou o seu programa político em maio, questiona por que motivo Pedro Santana Lopes nunca fez nada para mudar a orientação do partido no sentido dos movimentos e partidos liberais europeus, nos quais diz que se inspira.

Miguel Ferreira da Silva vai mais longe e acusa o antigo Provedor da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa de querer “vir dar cabo do liberalismo sem pensar que está a condenar o país a mais umas décadas de estatismo”, tudo por causa de um “acerto de contas” com o presidente do PSD, Rui Rio, que quer derrotar.

Este líder partidário afirmou ainda que “Santana Lopes, por coincidência ou não, parece que foi copiar muitos temas do programa da Iniciativa Liberal, como a liberalização da segurança social ou da saúde – quando ainda há poucas semanas dizia que queria mais Estado na saúde”.

Sublinhando que o liberalismo económico e social já é defendido pela IL, Miguel Ferreira da Silva considera que se Pedro Santana Lopes quisesse mesmo renovação, deveria apoiar quem representa essa renovação, em vez de "criar outro partido” com a mesma orientação.

As declarações do presidente da IL surgem depois de, no sábado, ter sido noticiado que o novo partido do ex-primeiro-ministro Pedro Santana Lopes se vai chamar Aliança e que a recolha de assinaturas para se constituir formalmente arranca na próxima semana.


legislativas 2019 promosite
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Filinto
    19 ago, 2018 Figas 22:53
    Já agora onde foi o PCP copiar as ideias da luta de classes? E onde foi o PS copiar as ideias do funcionalismo público? Ou então indo ainda mais lá para tras, onde foi o Sr Salazar copiar as ideias do autoritarismo? Ou seja, ó senhor inteligente, não concorda que os partidos da mesma família tenham estatutos iguais ou parecidos?! É claro que o Sr Santana não inventou a pólvora!
  • Horus
    19 ago, 2018 lisboa 16:49
    O ISIS ouvi falar o IL nunca.
  • falura-futurológica
    19 ago, 2018 lisboa 16:47
    Estas ideias copiadas aaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa1a1111!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!Querem ver q sao invenção do dito cujo,olhem o MUNDO e vejam o ridículo.Tudo está inventado na politica.Até o biquíni era usado por ousadas mulheres nas arenas romanas foi inventado por quem????????Queremos ver programas ,ideias para decidir.A liberalização da SS merecerá a censura para já do POVO.É uma má ideia.A reforma passaria de ser um direito ocasional.As empresas abririam falência e quem pagaria as reformas????Os PPRs estão protegidos em caso de falência da empresa q o vende?????Nâo, por isso não há futuro/acolhimento para essa medida.