Tempo
|
A+ / A-

Presidente das Filipinas destrói dezenas de carros de luxo

01 ago, 2018 - 00:46

Viaturas que entraram ilegalmente no país não escapam à cruzada contra a corrupção de Rodrigo Duterte.

A+ / A-

O Presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte, destruiu mais de seis dezenas de viaturas de luxo e motociclos que tinham entrado ilegalmente no país.

Rodrigo Duterte marcou presença na operação de destruição dos carros, integrada numa ação contra a corrupção nas Filipinas.

As viaturas, entre os quais estavam vários Porsches, Lamborghinis e Maserati, tinham um valor de cerca de 4,5 milhões de euros.

O presidente assistiu aos carros serem esmagados por um bulldozer, num aviso musculado para quem tentar enganar as autoridades filipinas.

Desde que tomou posse há dois anos, Rodrigo Duterte ficou conhecido por várias declarações polémicas e por lançar uma sangrenta guerra contra as drogas nas Filipinas, que já terá provocado 12 mil mortos, segundo a organização Human Rigths Watch.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Anónimo
    03 ago, 2018 18:07
    Caro Mário, tem toda a razão. Mas inteligência não é algo que exista no cérebro de Duterte. E o povo filipino vota nele... O povo é burro...
  • Mário
    02 ago, 2018 Santos 18:17
    Não achei nada razoável a decisão do presidente das Filipinas. Claro que a corrupção deve ser combatida com todas as forças, mas acima de tudo com inteligência. Todos esses bens poderiam ter um fim mais útil, em prol da própria sociedade, utilizados em serviços públicos ou serem leiloados, revertendo grande monta para as instituições de auxílio, em benefício dos mais necessitados. Além disso, o presidente poderia investir em políticas públicas para o combate contra a corrupção.
  • 02 ago, 2018 00:29
    isabel! tanto carro destruido ! o presidente das filipinas pelo menos podia ter guardado um pra si!

Destaques V+