|

 Casos Ativos

 Internados

 Recuperados

 Mortes

A+ / A-

Sete coisas que o Facebook vai fazer para evitar que lhe roubem os dados

22 mar, 2018 - 13:01 • Rui Barros

As revelações sobre o uso de dados do Facebook para influenciar eleições levaram Mark Zuckerberg a vir a público pedir desculpas e anunciar algumas medidas que vai tomar para aumentar a segurança da plataforma. Saiba o que a empresa vai fazer:

A+ / A-

Veja também:


Investigar aplicações antigas

Até às mudanças introduzidas em 2014, as aplicações que usavam dados do Facebook permitiam não só recolher os dados dos utilizadores que aceitaram ceder os seus dados, mas também dos seus amigos na rede. Mark Zuckerberg quer agora rever as aplicações que recolheram grandes quantidades de informação nessa altura.

Auditoria a aplicações suspeitas

Todas as aplicações que o Facebook considere como “suspeitas” serão alvo de uma auditoria. Os programadores que quiserem usar a informação do Facebook terão de concordar com a possibilidade de receberem uma auditoria. Caso não o façam, serão banidos da plataforma.

Avisar as pessoas

Caso a empresa identifique que os seus dados foram recolhidos indevidamente, será informado disso.

Aplicações morrem ao fim de três meses sem atividade

As aplicações que não registem qualquer atividade por parte dos seus utilizadores são desativadas ao fim de três meses.

Nome, foto e e-mail. Só isso.

Já terá entrado num site que permite, como alternativa, registar-se com a sua conta do Facebook. Esse método de registo pode, no entanto, servir como uma forma dos sites poderem ir buscar os seus dados à rede social. Com as novas mudanças, esses sites só vão poder aceder ao seu e-mail, à sua foto de perfil e ao nome que usa na rede.

“Wanted”. Recompensas para quem denunciar apps más

Os programadores serão recompensados se denunciarem más práticas e vulnerabilidades na plataforma.

Convite a rever as suas aplicações

No próximo mês, o Facebook vai mostrar no topo do seu feed de notícias uma mensagem para o convidar a gerir as aplicações que fazem uso dos seus dados.

Confira aqui o guia da Renascença para o fazer já.

Três formas de proteger os seus dados sem eliminar a conta do Facebook
Três formas de proteger os seus dados sem eliminar a conta do Facebook
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.