Tempo
|
A+ / A-

​Rio "completamente disponível" para falar com "outros partidos" sobre reformas

19 fev, 2018 - 16:26

Novo líder do PSD foi recebido pelo Presidente da República, após ter sido entronizado em congresso.

A+ / A-

O presidente do PSD, Rui Rio, disse esta segunda-feira ao Presidente da República que os sociais-democratas estão "completamente disponíveis" para dialogarem com "outros partidos" com vista a concretizar as reformas de que Portugal precisa.

"Essa será a principal mensagem que aqui deixámos: estamos completamente disponíveis para conversar com os outros partidos no sentido de que Portugal consiga fazer reformas que, de outra forma, não é possível fazer", afirmou Rui Rio, no final de uma audiência de perto de hora e meia com Marcelo Rebelo de Sousa.

Propostas concretas sobre as prioridades do PSD ficam para mais tarde, sublinhou Rui Rio.

“As coisas para serem bem-feitas têm que ser pensadas, debatidas, maturadas. Depressa e bem há pouco quem, diz o povo na sua imensa sabedoria”, declarou.

Sobre a escolha de Elina Fraga para vice-presidente do PSD, que mereceu contestação interna, Rio escusou-se a abordar um tema que não foi tratado na audiência com o chefe de Estado.

Questionado se os militantes do PSD não merecem uma explicação, o novo presidente respondeu: "Merecem as explicações todas, mas não é aqui na sequência de uma reunião com o Presidente da República, onde naturalmente esse assunto não foi abordado".

Juntamente com Rui Rio, vieram apresentar cumprimentos ao Presidente da República três dos novos vice-presidentes do PSD: Nuno Morais Sarmento, Manuel Castro Almeida e Isabel Meireles, bem como o novo secretário-geral Feliciano Barreiras Duarte.

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Rui
    19 fev, 2018 Lisboa 22:50
    Lá diz o velho ditado senão consegues vencê-los junta-te a eles.
  • Martins
    19 fev, 2018 LX 21:52
    O Rio está ansioso por acordos com Costa. Bem conversado ainda fará parte da geringonça (já faltou mais). Aliás os sinais dessa simpatia não param de surgir. O PSD em vez de afrontar a política geringonceira apresentando alternativas já se prepara para acordos. E Fraga... que triste ideia!