A+ / A-

​Cancro. Apenas cinco a 10% dos casos são hereditários

02 fev, 2018 - 10:02

Familiares de doentes com tipos de cancro que podem ser hereditários e que ainda não desenvolveram a doença devem fazer vigilância rigorosa, aconselha especialista.
A+ / A-

Apenas cinco a 10% dos cancros são hereditários. O dado é avançado à Renascença por Isabel Claro, uma das coordenadoras da Clinica de Risco Familiar do Instituto Português de Oncologia (IPO) de Lisboa.

“Os cancros hereditários mais frequentes são os do colon e reto e os associados à mama-ovário, que têm determinantes genéticos que se transmitem de forma dominante”, explica a especialista, em declarações ao programa Carla Rocha – Manhã da Renascença que esta sexta-feira foi feito em direto das instalações do IPO de LIsboa para assinalar o dia Mundial de Luta Contra o Cancro (4 de Fevereiro).

Isabel Claro acrescenta que “na maior parte dos casos, o cancro do pulmão, por exemplo, não é hereditário, é, sobretudo, dependente dos fatores ambientais, nomeadamente do tabaco”.

“Já em relação ao cancro do cólon e reto e à mama-ovário, que são cancros que são frequentes, há de facto determinantes genéticos muito importantes que permitem identificar famílias com síndromes hereditárias, onde nós podemos fazer uma prevenção, uma vigilância, que é muito importante”, acrescenta Isabel Claro.

Isabel Claro explicou ainda que tipo de acompanhamento pode ser feito a familiares de doentes com tipos de cancro que podem ser hereditários e que ainda não desenvolveram a doença.

“Podem fazer uma análise genética e, se forem portadores dessa alteração, fazem um programa de vigilância que inclui, no caso da mama-ovário, programas com ressonância magnética mamária, mamografia. No caso caso, por exemplo, do cancro do colón e reto, colonoscopias, com intervalos bem definidos, que tem que ser realmente respeitados pelo doente e pela instituição, para que se possa fazer uma prevenção adequada”, remata.


legislativas 2019 promosite
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • 03 fev, 2018 10:33
    Qual a prevenção para homens com barc1 que tipo de exames devem fazer