|

 Casos Ativos

 Suspeitos Atuais

 Recuperados

 Mortes

A+ / A-

Afinal, Papa pode vir dois dias a Portugal

07 nov, 2016 - 21:00

Freira portuguesa conta que a intenção lhe foi manifestada pelo próprio Papa Francisco.

A+ / A-

O Papa Francisco deverá chegar a Portugal a 12 de Maio. A informação foi avançada esta segunda-feira por uma freira portuguesa da Congregação das Irmãs Adoradoras.

A irmã Júlia Bacelar Gonçalves conta, numa mensagem publicada na rede social Facebook, que ofereceu uma bandeira de Portugal ao Papa e que lhe pediu que a trouxesse na visita a Portugal, a 13 de Maio, no centenário das aparições de Fátima.

Segundo o relato da freira, Francisco terá dito que está, também, a pensar ir no dia 12 de Maio.

Em declarações posteriores à edição online da revista “Família Cristã”, a irmã Júlia Bacelar Gonçalves conta como tudo aconteceu: “Estou a participar na assembleia da RENATE [Religious in Europe Networking Against Trafficking and Exploitation], e nesse âmbito fomos hoje recebidos em audiência privada pelo Papa Francisco na Sala Clementina. Fez-nos um discurso encorajador, porque este é um tema que lhe é muito caro e doloroso".

"No final, cumprimentou-nos uma a uma, e quando falei com ele, entreguei-lhe uma bandeira de Portugal dizendo-lhe que ela significa o amor do povo português e a esperança de o ver em Fátima no dia 13 de Maio. Ele apertou as minhas mãos e disse: 'Vou dia 12 à noite... vemo-nos lá', e olhou para o secretário, que acenou com a cabeça a confirmar", revela a irmã Júlia Bacelar Gonçalves.

A visita poderá assim passar por Lisboa. Só depois o Papa seguirá para Fátima, a tempo da procissão das velas, na noite de 12 de Maio.

No dia seguinte, Francisco presidirá às celebrações do centenário das aparições de Nossa Senhora aos três pastorinhos.

O Presidente da República convidou o Papa Francisco a visitar Portugal pela primeira vez. O convite foi endereçado durante uma visita de Marcelo Rebelo de Sousa ao Vaticano, em Março deste ano.

Na mesma altura, o cardeal patriarca de Lisboa, D. Manuel Clemente, manifestou o desejo de que o Papa permaneça em Portugal o maior número de dias possível, na visita prevista para o centenário das Aparições de Fátima, no próximo ano.

A data da primeira visita do Papa Francisco a Portugal ainda não foi confirmada oficialmente pelo Vaticano.

[notícia actualizada às 22h39]

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • André
    08 nov, 2016 Lisboa 00:02
    Pelos vistos, a ideia é chegar a Lisboa no dia 12 de manhã, ser recebido na Sé ou na Basílica, porque é Sexta-feira. Almoça com o Presidente da República e membros do governo. Parte de Belém de helicóptero e aterra em Fátima a meio da tarde. Pode cumprir todos os preceitos e presidir ao terço e à procissão das velas. Na terça preside a todos os acontecimentos, almoça em Fátima e volta para Lisboa, despede-se as autoridades e segue para Roma.
  • Joaquim santos
    07 nov, 2016 Leiria 23:02
    Para conhecer verdadeiramente o Papa Francisco, nada melhor que ler o capitulo 13 do Apocalipse, ficará a saber quem é Francisco e o emérito Bento VI. Boa leitura!