Tempo
|
A+ / A-

Oh tempo, volta para trás. Relógios atrasam 60 minutos para a hora de Inverno

28 out, 2016 - 07:33

Mudança marcada para as 2h00 de domingo.

A+ / A-

A hora legal muda, na madrugada de 30 de Outubro de 2016 (domingo), do regime de Verão para o regime de Inverno. Em Portugal Continental e na Madeira, quando forem 2h00 de domingo, os ponteiros recuam 60 minutos e volta a ser 1h00.

Mais de 70 países aplicam o regime da hora de Verão e de Inverno, afectando mais de mil milhões de pessoas por ano.

As datas de mudança da hora em geral variam de um país para outro. Em 1996, a União Europeia (UE), através da Comissão da Hora, decidiu padronizar a hora de verão entre os Estados membros. Deste modo, todos os países da União Europeia (e por arrasto quase todos os restantes países europeus) concordaram em implementar a hora de verão e acordaram nas datas da mudança.

A convenção é de avançar os relógios de 60 minutos quando forem 1h00 horas UTC do último domingo de Março e atrasar os relógios de 60 minutos quando forem 1h00 horas UTC (Tempo Universal Coordenado, abreviadamente UTC, do inglês Universal Time Coordinated) do último domingo de Outubro.

Como Portugal continental está no fuso 0, a mudança para a hora de verão ocorre sempre à 1 da manhã do último domingo de Março (adiantando para as 2h00) e o fim da hora de verão ocorre sempre às 2 da manhã do último domingo de Outubro (atrasando para a 1h00).

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Fátima rebelo
    28 out, 2016 Cacém 17:37
    Não gosto nada desta mudança
  • vítima
    28 out, 2016 douro 12:01
    A imposição da alteração da hora, quando há múltiplos estudos que apontam para os malefícios de tal facto, só mostra até que ponto os famosos "mercados", não estão minimamente preocupados em satisfazer as nossas necessidades, mas tão só e apenas a sua ganância.
  • osousadeviseu
    28 out, 2016 Viseu 11:27
    Acho que não se devia mudar a hora, dos Santos ao Natal um saltinho de pardal, em Janeiro uma hora por inteiro
  • Célia Branco Silva
    28 out, 2016 VILA FRANCA DE XIRA 10:34
    Não concordo, nada, nada! Fazem-se abaixo assinados para tanta coisa, porque não contra a mudança da hora? Não consigo entender o porquê desta mudança e não vejo qualquer beneficio, os dias ainda se tornam mais pequenos não seria mais benéfico manter o horário, penso que sim. Outra questão, em termos económicos as nossas trocas económicas, penso que são maioritariamente com o pais vizinho Espanha, então porque não acertarmos os relógios com Espanha e não com Inglaterra? Acho, que esta convenção deveria ser revista! Obrigada.