O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.

As primeiras palavras de Francisco.

Fonte: CTV

O recém-eleito Papa Francisco, o jesuíta argentino Jorge Mário Bergoglio, foi a supreendente escolha do colégio cardinalício. Da varanda da Basílica de São Pedro, no Vaticano, foi o próprio que o reconheceu. "Irmãos e irmãs, boa noite. Como sabeis, o dever do Conclave era dar um Bispo a Roma, mas os meus irmãos cardeais foram buscá-lo quase ao fim do mundo", afirmou.