O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.

Podem os incêndios ser uma obra de arte? Este fotógrafo acha que sim (e tem provas)

31 out, 2017 - 21:22 • Inês Rocha

Há quatro anos que o fotógrafo Jeff Frost persegue os incêndios na Califórnia para os fotografar e transformar em timelapses. O artista norte-americano confessa que continua a sentir-se dividido entre a beleza das imagens que capta e a destruição que o fogo deixa nos lugares por onde passa. Mas diz usar esse "incómodo" como uma estratégia para alertar para algo mais profundo: os perigos das alterações climáticas. Diz já ter apanhado vários sustos, nas longas horas que já passou no meio de incêndios florestais, mas nada o demoveu de continuar a aproximar-se do fogo. Está agora à procura de financiamento para fazer um filme, que será "muito mais estranho do que um documentário".
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.