O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.

Francisco lembra tragédia dos escravos e deixa mensagem para a “vizinha Venezuela"

10 set, 2017 - 21:15 • Imagem: Vaticano

Depois de abençoar duas “primeiras pedras” das casas da Obra Talitha Qum, em Cartagena, o Papa participou no Ângelus em frente à igreja de São Pedro Claver e lembrou a tragédia dos escravos e o sofrimento dos migrantes. Francisco deixou também uma mensagem especial para a "vizinha Venezuela" que tem atravessado tempos conturbados.
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.