O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.

O YouTube foi "trampolim" para estes cinco jovens portugueses

27 ago, 2017 - 20:29 • Joana Bourgard

Falam de roupa, de matemática, que não tem que ser aborrecida. Desenham em directo e explicam como desenhar. Fazem piadas. Do lado de lá têm milhões de pessoas - e as marcas já o perceberam. Até podem fazer pouco dinheiro no YouTube, mas o site funciona como "trampolim" para outros voos: da rádio aos palcos. A Renascença esteve no Festival VidYou e falou com a Math Gurl, o Môce dum Cabréste, o Tresh Toons, a Inês Rochinha e o Bernardo Almeida.
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.