O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.

Tensão diplomática. Erdogan acusa Holanda de fascismo

11 mar, 2017 - 19:03

A Holanda recusou hoje autorizar a aterragem no país do avião do ministro dos Negócios Estrangeiros turco, que pretendia pedir em Roterdão o apoio dos turco-holandeses no referendo para decidir sobre se o Presidente da Turquia ganha ou não mais poder no sistema de Governo. Erdogan considerou em seguida que a interdição da visita do ministro turco é uma "reminiscência" do nazismo e ameaçou ripostar.O primeiro-ministro holandês diz que as afirmações do Presidente turco "passaram todas as marcas".
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.