O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.

Peregrinos de Fátima optam por caminho alternativo

11 out, 2016 - 19:32

Há cada vez mais peregrinos a escolher o itinerário alternativo para chegar a Fátima. O caminho, feito por campos e estradas secundárias, tem chamado a atenção sobretudo de estrangeiros e permite evitar os perigos da nacional nº 1.
Webdocumentários
CAPA GRAFISMO - Reportagem Fátima Fatima na Bielorrússia Bielorrussia . Foto: Joana Bourgard/RR
Fátima na Bielorrússia

Uma chama que a URSS não apagou

reportagem misterios da fe facebook
100 anos de Fátima

Os mistérios da fé

Grandes reportagens multimédia
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • ELISABETE ALMEIDA
    12 out, 2016 Lisboa 13:08
    Independentemente de se evitar os perigos da Estrada Nacional, para mim foi muito mais fácil o percurso feito pelos caminhos e campos do que o que feito no alcatrão, apesar das irregularidades do terreno, o caminhar no alcatrão dá a sensação dos pés "queimados", a juntar ainda o facto de ser mais calmo.