O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.

O que fazem quatro locutores fora do estúdio? Descobrem a nova “cidade da rádio”

12 mai, 2016 - 21:35 • Ricardo Fortunato , Bárbara Afonso , Inês Rocha , Maria João Cunha

São as vozes das rádios do grupo Renascença Multimédia. São os inquilinos da novíssima casa da rádio. Desafiamos José Coimbra (RFM), Renato Duarte (Renascença), Filipa Galrão (Mega Hits) e Aurélio Carlos Moreira (Rádio Sim) a descobrir os estúdios e as novas instalações do grupo. Uma visita exploratória a uma nova forma de fazer rádio.
Reportagem
ponte eiffel abandonada
Reportagem Multimédia

A surreal história de uma Ponte Eiffel

Está na natureza das pontes ficarem sempre no mesmo lugar. Não foi o que aconteceu com uma das pontes de comboio que Gustave Eiffel deixou em Portugal. Está há anos guardada numa fábrica de candeeiros da Póvoa de Lanhoso.

Capa Encalhados na Turquia
Reportagem multimédia

Encalhados na Turquia

Rateb só quer abraçar a família, que vive em Lisboa. Ghossoun foi da Arábia Saudita à Síria depois de ver imagens de crianças mortas pelo regime. O enfermeiro Alaa resgatava civis na Síria até ficar gravemente ferido. A Turquia abriga mais de 4 milhões de refugiados. Alguns ainda sonham com a Europa, que paga para que fiquem onde estão. São tratados como “convidados”, mas quanto tempo pode alguém viver na casa dos outros?

Acidentes com tratores. Morte no Campo (imagem sem título)
Reportagem multimédia

Acidentes com tratores. Morte no campo

Nos últimos cinco anos, morreram em média cinco agricultores por mês em acidentes com tratores. Um arco podia salvar vidas, mas muitas vezes não existe. O problema está identificado há décadas, mas as soluções políticas não avançam. Uma tragédia sem fim à vista.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Vera
    16 mai, 2016 Palmela 23:59
    Olá a todos vós (os mais novos) da Renascença! Olá ao Sr. Aurélio Carlos Moreira, que eu adorei vê-lo! agora, com mais dez anos do que eu! Lembro-me de quando eu vinha a correr da escola, para ouvir o seu programa da tarde, já não me lembro bem, ou era o Sr., ou era o Sr. Armando Marques Ferreira, creio que era o '3X5'! pois é... há várias décadas que eu estou ligada à Renascença! "não havia televisão"! é verdade Sr. Aurélio, mas havia o "Quando o telefone Toca"! muito melhor!!! pegava no rádio de pilhas da minha mãe e punha-o dentro da cama, para não fazer barulho! e eram os Beatles, o Cliff Richard, o António Calvário, a Madalena Iglésias, a Simone de Oliveira, o Frank Sinatra, o Paul Anka ('Diana')... O Sr. é um dos pais da Renascença, gostei de o ver agora aí, no meio desses jovens! e é tão jovem, quanto eles!!! nós dessa geração, que nos ligámos à Renascença, somos sempre jovens. Um abraço para vocês: Renato, Heitor, Paulino, Isabel Pereira, Sónia, Miriam... e para o Sr. Aurélio, um beijinho na testa com 'rouge de Bourjois' é como se fosse um 'souvenir' dos anos 60. Obrigada a todos e Parabéns pelo novo Estúdio! bem merecem! A vossa 'primaVera'.
  • Fernando
    13 mai, 2016 Vila Nova de Gaia 15:07
    Por acaso, Luis Alberto já ouvi dizer que é em Benfica e já ouvi que é na Buraca. Não se percebe tanta descoordenação. Olha se houvesse essa descoordenação na mudança da rádio!
  • Irene Aníbal
    13 mai, 2016 Porto 13:01
    Parabéns a todos. Gostei muito do engenheiro que fala da acústica, tem um bigode que impõe autoridade.
  • Luís Alberto
    13 mai, 2016 Amadora 12:30
    A boneca Galrão diz que é em Benfica. Mas é na Buraca. Estão a mudar o nome porquê? Isso é pacóvio.