O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
A+ / A-

Argentina sem Messi permite "cambalhota" da Nigéria

14 nov, 2017 - 18:28

Etebo, do Feirense, foi suplente não utilizado, do lado da Nigéria, assim como o benfiquista Salvio, na "albiceleste".
A+ / A-

A selecção da Argentina foi derrotada, esta terça-feira, pela Nigéria, por 4-2, em jogo de preparação para o Mundial 2018, realizado no país anfitrião da competição, a Rússia.

No que toca à selecção das "pampas", o ponto de interesse foi, efectivamente, a verificação do desastre que a ausência de Lionel Messi provoca. O conjunto de Jorge Sampaoli esteve a vencer, por 2-0, golos de Banega e Aguero, aos 28 e 36 minutos, no entanto, Ilheanacho deu, em cima do intervalo, sinal do que viria: umas "super águias" trasnformadas.

Aos 52 minutos, Iwobi, do Arsenal, empatou a contenda. Dois minutos mais tarde, Idowu consumou a reviravolta. Para lá dos 70 minutos, o "gunner" Iwobi levou o resultado a estatuto de escândalo.

Oghenekaro Etebo, do Feirense, foi suplente não utilizado, do lado da Nigéria, assim como o benfiquista Salvio, na "albiceleste".

Numa nota negativa, Aguero desmaiou durante o intervalo, tendo sido levado para o hospital, conforme comunicou a Federação argentina.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.