O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
A+ / A-

PS e PSD de acordo em quatro nomes para a Entidade Reguladora da Comunicação Social

13 out, 2017 - 12:32

Quinto elemento será independente dos partidos. No dia 20, vão ser eleitos os quatro nomes acordados e o Conselho Regulador.
A+ / A-

O PSD e o PS chegaram a acordo para a eleição de quatro dos cinco membros do Conselho Regulador da Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC), estando estabelecido que o quinto elemento será obrigatoriamente alguém com perfil independente.

Segundo a agência Lusa, que cita fonte parlamentar, o PSD propõe Fátima Resende Lima, que já exerce funções na ERC, e Francisco Azevedo e Silva, antigo membro de direções do “Diário de Notícias”.

Já o PS avança com os nomes do professor universitário Mário Mesquita e do jurista João Pedro Figueiredo para os restantes dois lugares a eleger pelo Parlamento.

O quinto membro da ERC será cooptado pelos quatro elementos entretanto eleitos, sendo esse nome, de acordo com fonte parlamentar, o ponto central do compromisso entre socialistas e sociais-democratas.

PS e PSD acordaram o princípio de que o quinto nome terá de ser alguém com indiscutível perfil de independência.

A eleição, no Parlamento, do Conselho Regulador da ERC, que esteve num impasse político desde Janeiro, está marcada o próximo dia 20, necessitando de uma maioria de dois terços, ou seja, de um acordo entre PS e PSD.

A partir do momento em que os cinco membros da ERC se encontrem designados, será então eleito entre eles o presidente do Conselho Regulador, cujo lugar é neste momento desempenhado pelo jornalista Carlos Magno.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Andre Sousa
    13 out, 2017 vila pouca de aguiar 17:07
    Um bom tipo para a ERC ( até já lá esteve no tempo do sr SOCAS) é o ministro da defesa!!! O medo da comunicação social mete nojo!