A+ / A-

Catarina Martins acredita que "BE vai fazer toda a diferença" nas autárquicas

29 set, 2017 - 22:07

Líder do Bloco de Esquerda encerrou a campanha com um comício na Alfândega do Porto, com cerca de 500 pessoas.
A+ / A-

A coordenadora bloquista, Catarina Martins, antecipa que nas eleições autárquicas de domingo "o Bloco de Esquerda vai fazer toda a diferença", apelando ao voto de "todos quantos não se resignam" para "combater as maiorias absolutas surdas" e eleger quem sabe ouvir.

No comício de encerramento da campanha autárquica do Porto, que juntou na Alfândega do Porto cerca de 500 pessoas, Catarina Martins antecipou que nas eleições autárquicas de domingo "o BE vai fazer toda a diferença", fazendo um forte apelo ao voto porque "nada está decidido".

"Apelo a todos quantos não se resignam, aos que sabem que é possível viver melhor no nosso país, aqueles que sabem como foi o voto dos que não se resignam que, em 2015, mudou o mapa político em Portugal", disse.

A líder do BE voltou a falar sobre as maiorias absolutas, considerando que é preciso combate-las porque "têm sido surdas" e "não ouvem nem veem a maior parte dos problemas".

"É preciso combater as maiorias absolutas e ter a certeza que nestas autárquicas se coloca em cada concelho vereadores que sabem ouvir", apelou.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Joaquim Soares
    29 set, 2017 Famalicão 23:33
    Deita foguetes, pode ser que que te "rebentem" nas mãos no dia 1 vamos ver.....
  • Cidadao...
    29 set, 2017 Viseu 22:20
    Ouvir por um lado e sair pelo outro? Agora parecem ouvir!