O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
|
A+ / A-

Carro atropela multidão em manifestação nacionalista nos EUA. Três pessoas morreram

12 ago, 2017 - 18:09

Marcha nacionalista juntou cerca de seis mil pessoas. Governador da Virgínia confirma três mortos e dezenas de feridos.
A+ / A-
Carro atropela multidão em violenta manifestação nacionalista nos EUA

Pelo menos três pessoas morreram (uma vítima de atropelamento e duas após queda de helicóptero) e 35 ficaram feridos após confrontos e um atropelamento no seguimento de uma manifestação nacionalista em Charlottesville. A actualização do número de vítimas foi feita por Terry McAuliffe, governador da Virgínia, que antes tinha declarado o estado de emergência.

Terry McAuliffe exortou os habitantes da cidade e do país a unirem-se e pediu aos nacionalistas para voltarem para casa e deixarem as ruas sem mais confrontos.

O autor do atropelamento conseguiu fugir, mas já foi detido pelas autoridades. A sua identidade não foi ainda divulgada pela polícia.

A manifestação dos nacionalistas tinha sido proibida pelas autoridades, mas realizou-se mesmo assim.

O Presidente dos Estados Unidos já reagiu a esta manifestação violenta. Através do Twitter, Donald Trump apelou à calma e a que todos saibam viver juntos.

[actualizado às 23h32]

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Nuno palma
    13 ago, 2017 Lisboa 12:38
    Esta noticia e tendensiosa e informa mal, espero que seja por engano e nao de proposito...o atropelamento desse numa contra-manifestacao.. o acidente foi provocado por um elemento da extrema direita e nao o contrario, voces dao a ideia errada com este artigo
  • hugo lima
    13 ago, 2017 loures 08:36
    Quem vos ler até julga que as vitimas foram os loucos de extrema-direita. Não. Eles foram os assassinos. Mais uma vez.
  • Luis M Marques
    13 ago, 2017 KESWICK, Virginia USA 02:00
    Vivo nos arredores desta pequena cidade universitária desde 1981. Até agora tem sido uma cidade pacata dedicada à cultura, desporto universitário, turismo e alguma indústria. A cidade é a sede da Universidade da Virgínia fundada por Thomas Jefferson, o terceiro presidente dos Estados Unidos. Isto foi uma demonstração liderada por forasteiros racistas da extrema direita que infelizmente foi contestada por residentes locais. Infelizmente eles fizeram o que queriam: receber a publicidade e intimidar os habitantes locais.