O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
A+ / A-

​Suspeito de atear fogo em Felgueiras fica em prisão preventiva

12 ago, 2017 - 15:44

Homem já se encontrava com a medida de coacção de apresentações periódicas no Posto Territorial de Felgueiras pela prática do mesmo crime.
A+ / A-

O Comando Territorial da GNR do Porto anunciou este sábado a detenção, em Felgueiras, de um homem de 44 anos indiciado pela prática do crime de incêndio florestal.

Em comunicado, a GNR esclarece que o homem, detido sexta-feira, foi presente durante a manhã de hoje ao juiz de instrução criminal para primeiro interrogatório, tendo-lhe sido aplicada a medida de coacção de prisão preventiva.

O suspeito, que já se encontrava com a medida de coacção de apresentações periódicas no Posto Territorial de Felgueiras pela prática do mesmo crime, foi surpreendido em flagrante por um familiar, que de imediato accionou a GNR, permitindo assim formalizar a detenção.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.