O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
|
A+ / A-

Vários quilómetros de fila rumo ao Algarve

12 ago, 2017 - 15:04

Circulação de trânsito com demora na zona da Marateca, numa altura em que milhares de portugueses iniciam as férias.
A+ / A-

A tarde deste sábado está a ser complicada para quem ruma ao sul do país, com filas de trânsito de vários quilómetros na A2 e também no IC1.

Com a mudança de quinzena e a chegada dos emigrantes para uns dias de férias em Portugal, o trânsito aumenta sobretudo rumo ao Algarve, disse à Renascença o major Nuno Santos, da GNR.

“Na zona da Marateca [na A2], estamos a registar alguma intensidade de trânsito, que tem alguma demora no sentido Norte-Sul.”

“Paralelamente à situação na A2, no IC1 também temos registo de algum fluxo de trânsito acentuado também em direcção a Sul”, sublinha o major Nuno Santos.

Relativamente aos incêndios, nesta altura a GNR regista apenas o corte da Estrada Municipal 520, na localidade de Amieira, no concelho de Alvaiázere, distrito de Leiria.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Filipe
    14 ago, 2017 Silves 12:45
    De facto o turismo desenfreado tem destruído, e destroi, nao só a propria qualidade do turismo no algarve como a qualidade de vida de quem cá mora,vicissitudes de uma regiao que quer e precisa gerar dinheiro. A zona do barlavento é altamente afectada...paciencia, por mim.sao todos bem vindos se vierem por bem...simplesmente evito sair durante o mês de agosto, faço as compras todas em maio para 3 meses e so saio em setembro haha. Mas mesmo assim ainda existem zonas no sotavento que permitem umas ferias.mais descançadas e longe da confusão...eu faço uma hora de viagem para puder aproveitar um pouco da praia...nao há problema. Mesmo que seja muito desagradavel ser mal tratado por certos turistas, e ouvir comentarios depreciativos sobre os algarvios, de resto se forem educados mesmo com a confusao que causam são toleraveis. Enfim o pensamento é só um: "é só um mês vá, está quase".
  • nunca tive férias
    14 ago, 2017 arazede 12:25
    Para mim é que está mau. A burguesia a caminho do algarve. Muito ladrão e vigarista nesta fila e também caloteiros. Isto é como no futebol, pode faltar pão em casa, mas para a bola há sempre.
  • Anibal mendonça
    13 ago, 2017 Feijó almada 13:42
    Não é bem assim eu sou emigrante e as filas de transito que se vê para o algarve de sertesa que não à um emigrante,há ainda muito boas vidas em portugal, e muitos se empenham e ficam cheios de dividas para ir de férias, resumindo muitos emigrantes têm já a vida feita no estrangeiro aonde derivado aos filhos não voltam para Portugal mas não é por isso que nos dias de hoje têm uma vida melhor que muitos em portugal, simplemente voltamos sempre para ver a familia e porque amamos o nosso país as nossas raizes por isso nos sacrificamos o ano inteiro a fazer muita coisa que os outros não querem fazer, mas já o faziamos em portugal e não conseguiamos nada, por isso é que aqueles que vão para o estrangeiro e não querem fazer sacrificios! Voltam rapido para o seu país, eu adoro o meu pais vivo sozinho em frança minha vida está feita aqui mas eu gostaria de voltar para o meu país pró pé dos meus filho,meus pais que começam a precisar de apoio e mulher que fiquei apaixonado uma amiga de muitos anos, mas no fundo não vejo meios de poder ter uma vida normal ao que lutei e estou abituado, actualmente não é facil tomar uma decisão, mas Sei que vou ter que a tomar, bem ajam todos os portugueses do mundo, e nunca misturem, os acontecimentos deste genero com os emigrantes que não têm nada a ver.
  • Jose flor
    12 ago, 2017 Povoa de santa iria 22:35
    Gostaria de saber o porque dos meus post nunca serem publicados. Existe alguma inquisição? Porque e que colocam sempre posts parvos de outros utilizadores?
  • LR
    12 ago, 2017 Sintra 19:31
    Cambada de idiotas, não têm mais nada para fazer...PS: escrevi este post enquanto estava na fila da A2 a caminho de Armação de Pêra.
  • Patriótico e canhoto
    12 ago, 2017 aí mesmo 19:19
    Só espero que não destruam de vez a zona sul do país. A região do Algarve tem sido tão assolada pelo flagelo do turismo que temo que mais dia menos dia a mesma colapse. Haja um governo com coragem para acabar com esta catastrofe! Há jovens que querem viver no centro de Faro ou Olhão e não podem!
  • Valdemar Lopes
    12 ago, 2017 Quinta do Conde 19:19
    Vivam os cartões de crédito...!!!E novamente os erros do passado...
  • os invejosos
    12 ago, 2017 lx 19:04
    salazarentos também por aqui andam a piar!...
  • maria
    12 ago, 2017 lisboa 17:22
    vão em fila para o Algarve, disputam 1x0,5m para a toalha na praia, dormem nuns cubiculos, quentes, amontoados, fazem filas para supermercado , para a praia, voltam daqui a uma semana muito contentinhos ...
  • Paulo
    12 ago, 2017 Vilamoura 17:00
    Venham, que o tempo está muito bom e estamos de braços abertos á vossa espera.