O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
A+ / A-

Português pode ser condenado nos EUA por ajudar Irão

18 jul, 2017 - 00:37

João Pereira da Fonseca arrisca uma pena de 20 meses de cadeia.
A+ / A-

Um homem português pode ser condenado a 20 meses de prisão nos Estados Unidos por alegadamente ter ajudado o Irão a obter material sofisticado com potencial uso militar.

João Pereira da Fonseca, que segundo a Reuters tem 55 anos e é engenheiro, terá assumido perante o tribunal ter ajudado uma empresa iraniana a obter lentes ópticas e sistemas de navegação americanos sofisticados. O material pode ser usado comercialmente mas também pode ter fins militares.

Ao assumir a culpa neste caso os advogados de defesa de Pereira da Fonseca esperam poder negociar uma pena de 20 meses de cadeia.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Alberto
    18 jul, 2017 Funchal 19:39
    Deveriam ser 20 anos. Por estes, os Portugueses são sempre procurados quando precisam de vigaristas.