O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
|
A+ / A-

César Peixoto e a "voz de comando" Luisão. "Pode ajudar na reconstrução da defesa"

17 jul, 2017 - 12:45

O substituto de Nélson Semedo, o regresso de Renato Sanches e a luta pelo título são outros assuntos abordados pelo antigo jogador do Benfica.
A+ / A-

César Peixoto desvaloriza a goleada sofrida pelo Benfica na Suíça, 5-1, com o Young Boys, que revelou algumas fragilidades no sector defensivo dos tetracampeões nacionais.

Em Bola Branca, o antigo lateral e médio das águias rejeita um cenário de "alarme", até porque ao sector defensivo das águias ainda "falta a voz de comando". Com confiança o ex-jogador lembra que "Luisão pode ajudar na reconstrução da defesa", que tem sido alvo de algumas críticas nos dois primeiros jogos da pré-temporada.

Peixoto acredita que Rui Vitória terá ainda alguns reforços para a defesa depois das saídas de Ederson, Lindelof e Nélson Semedo, mas sublinha que o plantel benfiquista "tem uma base sólida de muitos anos" e com jogadores que sabem "lidar com este tipo de pressões".

A saída de Semedo para o Barcelona "era inevitável", já que o internacional português fez uma "época brilhante". Para ocupar a vaga, há nesta altura Pedro Pereira e o "fiável" André Almeida. "É um dos mais experientes, já faz parte do grupo dos capitães. As características são diferentes, mas é um jogador fiável e que pode dar confiança e segurança à equipa", acrescenta César Peixoto.

O possível regresso de Renato

O médio do Bayern Munique Renato Sanches é apontado como provável reforço dos encarnados, aproveitando o facto de o clube bávaro aceitar emprestar o internacional português, que tem tido pouco espaço competitivo e corre o risco de repetir idêntico cenário na nova temporada.

Para Peixoto, o regresso do médio seria "muito bom para todos": "O Bayern, porque fez um investimento enorme e o jogador não está a rentabilizar, nem a evoluir. O Benfica, porque teria um jogador que se adaptaria facilmente ao clube, e o Renato Sanches, pela oportunidade de voltar a competir ao mais alto nível, no clube onde cresceu e de se valorizar novamente."

Benfica na frente pelo título de campeão

César Peixoto faz, ainda, uma análise aos três grandes, em função daquilo que tem observado neste início de pré-temporada e faltando ainda cerca de mês e meio para o fecho do mercado de transferências.

O antigo jogador de Benfica e FC Porto aposta nos tertacampeões para nova conquista, embora lembre que os adversários não facilitarão a tarefa das águias.

"Quem está mais activo e a fazer boas contratações é o Sporting, era o que mais precisava porque teve a pior época dos três grandes", justifica, considerando que o plantel de Jorge Jesus está a ser recheado com "jogadores de nomeada, qualidade acrescida", que vão "fazer a diferença", tendo como objectivo "serem titulares" no conjunto de Alvalade.

"O FC Porto ainda é uma dúvida, porque praticamente não contratou, embora tenha uma boa base da época passada", salienta.

Já o Benfica adquiriu alguns reforços de qualidade, depois de ter vendido bastante. "O Benfica vai estar forte e vai ser o principal candidato ao título", conclui César Peixoto.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.