O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
A+ / A-

Mourinho denunciado por fraude ao Fisco espanhol

20 jun, 2017 - 11:41

O treinador português terá cometido dois delitos contra o Ministério Público espanhol, em 2011 e 2012, numa quantia que ascende aos 3,3 milhões de euros.
A+ / A-

A Procuradoria de Madrid denunciou José Mourinho, esta terça-feira, por alegadamente defraudar o Fisco espanhol em mais de três milhões de euros.

Conforme informa a Procuradoria, o treinador português terá cometido dois delitos contra o Ministério Público espanhol, em 2011 e 2012, numa quantia que ascende aos 3,3 milhões de euros, 1,6 no primeiro ano e 1,7 no segundo.

Mourinho teria, alegadamente, canalizado os seus ingressos por direitos de imagem através de uma sociedade nas Ilhas Virgens Britânicas. "Todas essas estruturas societárias foram utilizadas pelo denunciado com o objectivo de fazer fisicamente opacos os benefícios precedentes dos seus direitos de imagem", informa a denúncia.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Miguel Botelho
    20 jun, 2017 Lisboa 13:03
    Esta notícia não me admira nada. O problema destes criminosos ou mafiosos do mundo do futebol, como Ronaldo e Mourinho, é a conversa fiada diante das câmaras de televisão. Por defraudarem o fisco e fingirem que são os melhores, deveriam ir para a cadeia. Infelizmente, têm dinheiro para pagar tudo e ainda saem de tudo isto como heróis.