O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
|
A+ / A-
Euro Sub-21

Para o seleccionador espanhol, Portugal é "a selecção mais forte do Europeu"

19 jun, 2017 - 16:27

Albert Celades deixou uma mensagem de apoio às vítimas da tragédia de Pedrógão Grande.
A+ / A-

Albert Celades, seleccionador espanhol de sub-21, vê em Portugal o maior candidato à vitória final no Europeu da categoria, a decorrer na Polónia.

Em conferência de imprensa de antevisão, esta segunda-feira, do duelo entre portugueses e espanhóis, da segunda jornada do Grupo B, o timoneiro da selecção de "nuestros hermanos" teceu rasgados elogios à formação de Rui Jorge.

"Antes do sorteio, já esperava que Portugal fosse a selecção mais forte do Europeu. Com a Alemanha, tiveram o melhor desempenho na qualificação. Portugal não perde há... nem sei. O último foi nos penáltis com a Suécia", lembrou, embora erradamente, pois para a FIFA, a final do Europeu de 2015 foi um empate, pelo que Portugal não perde há ainda mais tempo: 30 jogos no total.

"Além de terem bons jogadores, têm um funcionamento coletivo muito bom, um excelente treinador e as coisas não acontecem por acaso. Temos de apresentar a nossa melhor versão para ganhar", frisou Celades, que rejeitou contentar-se com o empate.

Antes ainda de falar da partida, Celades deixou uma mensagem aos portugueses, na sequência da tragédia em Pedrógão Grande. "Queríamos solidarizar-nos com as vítimas portuguesas pelo que estão a viver e mandamos um abraço para todos os que estão lá e também aqui, na Polónia".

O Portugal-Espanha realiza-se esta terça-feira, a partir das 18h45 (hora portuguesa), em Gdynia.


Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.