O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
|
A+ / A-

Homem que se entregou na Bélgica não está ligado ao atentado de Paris

21 abr, 2017 - 13:08

Dois homens terão levado a cabo o ataque de quinta-feira à noite na capital francesa. Um foi logo abatido e a polícia iniciou buscas por um segundo, que se teria entregado esta manhã, em Antuérpia.
A+ / A-

Veja também:


Afinal, o homem que se entregou na Bélgica, esta sexta-feira de manhã, não terá qualquer relação com o ataque de ontem, em Paris, revelam as autoridades belgas.

De acordo com um procurador belga da cidade de Antuérpia (onde o homem se entregou à polícia), citado pela Associated Press, o indivíduo apresentou-se nas autoridades depois de ter aparecido nas redes sociais associado ao atentado.

No entanto, o homem não fará parte de qualquer investigação relacionada com terrorismo.

O último atentado em Paris ocorreu nos Campos Elísios e fez duas vítimas mortais: o autor do ataque e um polícia. Há ainda dois agentes da polícia feridos.

Testemunhas falam em dois atacantes, pelo que a polícia busca um segundo suspeito.

Quanto ao atacante que morreu, já tinha sido detido em Fevereiro, por ameaças contra a polícia. No entanto, acabou por ser libertado mais tarde, por falta de provas. A informação é também avançada pela Associated Press, que cita duas fontes oficiais francesas, sob anonimato.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.