O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
|
A+ / A-

Trabalho da Renascença sobre Alzheimer distinguido nos prémios Jornalismo em Saúde

07 abr, 2017 - 13:17

"Alzheimer: Uma doença esquecida pela Europa”, da jornalista da Renascença Ana Carrilho, está entre os premiados.
A+ / A-

A jornalista da Renascença Ana Carrilho recebeu uma menção honrosa nos prémios Jornalismo em Saúde, promovidos pela Apifarma e organizados pelo Clube de Jornalistas.

Ana Carrilho foi distinguida pelo trabalho “Alzheimer: Uma doença esquecida pela Europa”, emitido no dia 21 de Setembro de 2016.

Também Vânia Maia, jornalista da Visão, e Filipa Simas, da RTP, receberam menções honrosas.

Nesta primeira edição do prémio, atribuído pelo Clube de Jornalistas em parceria com a Apifarma, foram submetidas a análise do júri 23 trabalhos jornalísticos.

Nas categorias de Imprensa, Rádio, Televisão e Jornalismo Digital foram distinguidos os seguintes jornalistas:


Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Cristina Telhas
    28 jun, 2017 Setúbal 18:15
    Gostava que fosse encontrado um tratamento para se tratar essa maldita doença ! A minha mãe está comigo a nove anos mas já à bastante tempo que se encontrava diferente eu nem queria acreditar que isso fosse verdade mas sim é ! Não há palavras para descrever o dia a dia só mesmo vivendo com a pessoa com essa doença ! Dói saber como era e ver e ouvir a pessoa agora ; criança 😘💛